Warning: mysql_fetch_array(): supplied argument is not a valid MySQL result resource in /home/storage/4/51/c4/netav/public_html/not.php on line 34
- NetAv

Novo ataque em massa de ransomware faz vítimas na Europa e chega ao Brasil

Segurança | 2017-06-29

Vulnerabilidade explorada por malware Petya é a mesma do WannaCry.

Um grande ataque de ransomware atingiu computadores de diversos empresas europeias. Supostamente iniciado na Rússia, a ameaça atingiu a petrolífera Rosneft e os bancos do país, atingindo também a vizinha Ucrânia, onde o Banco Central, a rede do governo, uma estatal de energia e o metrô de Kiev foram atacados, segundo comunicado nas redes sociais do vice-ministro ucraniano, Pavlo Rozenkoe.

Segundo Ghassan Dreibi, especialista em segurança da Cisco para a América Latina, o ataque já atingiu o Brasil, mas não há notícias de quais empresas foram atacadas.

 

 empresa russa de segurança do Grupo IB diz que os hackers exploraram o código desenvolvido pela Agência Nacional de Segurança (NSA) dos Estados Unidos, a mesma vulnerabilidade explorada pelo vírus WannaCry nos ataques de maio. De acordo com empresas de segurança, o ransomware foi identificado como sendo o Petya, um malware que torna os computadores inoperacionais, criptografando seus discos rígidos e exigindo resgates em troca de uma chave digital para restaurar o acesso.

Segundo a Reuters, uma das vítimas do ataque cibernético de hoje, uma empresa de mídia ucraniana, disse que seus computadores foram bloqueados e que recebeu um pedido de US$ 300 na moeda criptográfica Bitcoin para restaurar o acesso aos seus arquivos.

A mesma mensagem apareceu para empresa dinamarquesa de navegação global A.P. Moller-Maersk em seus escritórios em Roterdã, na Holanda, onde está localizado o maior porto da Europa. A companhia afirmou que foi atingida em várias regiões por uma interrupção do computador. “Nós podemos confirmar a quebra é causada por um ataque cibernético”, disse uma porta-voz.

Outras empresas que disseram ter sido atingidas por um presumido ataque cibernético incluem a produtora de metal russa Evraz, a empresa francesa de materiais de construção Saint Gobain e a maior agência de publicidade do mundo, o WPP – embora não estivesse claro se seus problemas eram causados pelo mesmo vírus. A empresa de alimentos Mondelez International também disse que sua equipe em diferentes regiões estava com problemas técnicos.